domingo, 27 de novembro de 2016

Perca de tempo

Amanhã que virá?
Sei lá!
E hoje...
Bem, acho que posso decidir,
Mas apenas o agora e não depende muito de mim.
Acho que depende de meu estado.



Quantas vezes não consigo pensar do que fazer com minhas possibilidades
E só quando as perco é que fica nítido a quantidade de coisas que poderia fazer.

Ah... A felicidade está em fazer da vida mesmo simples uma obra de arte como dizia Nietzsche.

Mas...

Os anos se passam.

E ficamos felizes com pitadas de alegria,
Antes isso que a dor.

A existência é algo tão surpreendente e ao mesmo tempo complexo... Sabe lá.

Acho é perca de tempo pensar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário